Facebook Instagram

OPINIÃO | Big Brother: Os protagonistas

A Patrícia e a Jéssica têm ciúmes da relação do Miguel com a Bárbara, e isto está à vista de todos

Fonte: Fábio Belo
Cristina Ferreira aconselha concorrentes: «É nessa resistência que se vai encontrar o vencedor»
Cristina Ferreira aconselha concorrentes: «É nessa resistência que se vai encontrar o vencedor»

A gala de ontem voltou a ser voltada para o cinema. Vimos as melhores e piores cenas da semana. Nós, público, adorámos o que vimos, já os concorrentes não sei, se gostaram daquilo que viram. Os protagonistas nem sempre gostam de ver aquilo que fazem.

Vimos cenas onde os protagonistas eram a Patrícia, a Jéssica e o Miguel. Cenas onde mãe e filha tentam queimar o rei deste Big Brother, mas agora já é tarde. Foram os concorrentes que tornaram o Miguel o concorrente mais forte. Vimos duas concorrentes intriguistas e conflituosas. Sim, conflituosas. A Patrícia e a Jéssica têm ciúmes da relação do Miguel com a Bárbara, e isto está à vista de todos. Como já não conseguem estar próximas do Miguel como queriam fazem ataques por todo o lado. Ataques, estes que levaram os portugueses a expulsar a Jéssica. Mas, também não se perdeu grande coisa.

A Sónia, outra grande jogadora. Teve a missão de escolher um concorrente para expulsar diretamente um colega de casa, e assim conseguir um passaporte para a final. É, claro que escolha da Sónia recaiu sobre a Patrícia. Pena é que tenha sido tudo a brincar, porque tínhamos matado dois coelhos numa cajadada só. Vimos uma Sónia evoluída. Jogadora. Sensata. Opinativa. Uma grande concorrente.

Miguel, o protagonista do jogo e da noite. Sónia, de atriz secundária a protagonista. Patrícia, a vilã. Jéssica, a derrotada. E, assim temos o resumo de uma noite explosiva.

 
 
RELACIONADOS
Mais Lidas