Horóscopo

08 a 14 de agosto

Leão - A Papisa

"Por detrás das grandes vitórias de Alexandre, encontramos, sempre, Aristóteles." (Charles de Gaulle) 

Quem anda no Caminho do Discipulado pergunta-se, muitas vezes, pelo seu Mestre, porque dizem que o Mestre aparece, quando o discípulo está pronto. Mas não será que o mestre já chegou e nós nem demos por isso? O facto de acharmos que as coisas e situações têm de se materializar na forma que nós conhecemos ou imaginamos dá azo a grandes confusões e desilusões. Será que aquele que nos vem ensinar tem de ser uma pessoa desconhecida ou podem ser várias, inclusive, de dentro da nossa família? Ou será que não podem ser as próprias circunstâncias? Um livro? 

Na verdade, os nossos mestres são as pessoas que nos rodeiam. São os nossos filhos, netos, irmãos, amigos, desconhecidos e, também, os adversários. Todos eles nos mostram que padrões ainda estamos a repetir. Que formas de agir ainda não melhoramos. Eles mostram-nos que, ainda, temos bastante a trabalhar em nós. 

Então, em vez de se focar nos outros e criticá-los, trabalhe em si e esse trabalho será o exemplo que irá transmitir. É assim que nós os ajudamos. 

Palavras leva-as ao vento, não é como dizem? Mais do que isso, as palavras ferem de forma profunda e nunca as conseguimos retirar. Ficam plasmadas no éter e nas nossas vidas para sempre - as positivas e as nefastas. 

Pense, sinta, pense, novamente, e sinta, novamente, antes de proferir as palavras que está a pensar em proferir. Saem, de facto, as melhores ou serão elas um reflexo do seu passado e respetivas feridas que nada têm a ver com a questão atual?

Está na altura ideal para fazer uma sessão comigo. Encontra-me aqui no Tarot de Ísis By Vera Xavier.

Já me acompanha no Instagram?

Mais Lidas