Facebook Instagram

Johnson & Johnson MedTech leva inteligência artificial aos blocos operatórios

A Johnson & Johnson MedTech e Nvidia juntaram-se para levar a inteligência artificial às cirurgias e permitir a análise em tempo real de dados cirúrgicos

Link To Leaders
12 abr, 10:26
Médico Foto: Tung Nguyen/Pixabay
Médico Foto: Tung Nguyen/Pixabay

A J&J MedTech está a trabalhar com a Nvidia para acelerar e expandir o recurso à inteligência artificial (IA) nas cirurgias e possibilitar acesso à análise em tempo real e a disponibilidade global de algoritmos de IA para tomada de decisões em blocos operatórios totalmente conectados.

As duas empresas assinaram um acordo de entendimento para acelerar a IA para o portefólio de tecnologias cirúrgicas da J&J MedTech com a plataforma de IA da Nvidia, desenvolvida para cuidados de saúde. As tecnologias são projetadas para permitir a utilização rápida, segura e em tempo real de IA através do ecossistema digital de cirurgia da J&J MedTech.

“A Johnson & Johnson MedTech está a caminhar para um futuro na saúde mais conectado e personalizado”, afirma Tim Schmid, vice-presidente executivo e Chairman Mundial da MedTech, citado em comunicado.

“O futuro será cada vez mais impulsionado por tecnologias digitais que proporcionem eficiência, melhorem a tomada de decisões e apoiem na formação e educação cirúrgica. O nosso conhecimento na área da saúde e ecossistema digital em cirurgia, associadas às plataformas de IA da NVIDIA, têm um enorme potencial para criar uma experiência cirúrgica mais conectada”, acrescenta o responsável.

Segundo a Johnson & Johnson MedTech, um elemento chave da aceleração da IA para cirurgia é a edge computing avançada, que permitirá o processamento de dados dentro do bloco operatório, um passo necessário para que os algoritmos de IA analisem dados cirúrgicos ao vivo e armazenados, em tempo real. Esta nova abordagem poderá também ajudar a reduzir a necessidade de transferência de dados sensíveis e permitirá que aplicações específicas sejam executadas separadamente, num ambiente informático seguro, possibilitando uma latência ultrarrápida no bloco operatório, onde cada segundo é importante, explica a Johnson & Johnson MedTech.

A plataforma edge computing da NVIDIA IGX e a plataforma de IA NVIDIA Holoscan edge criam uma infraestrutura para implementar aplicações de software alimentadas por IA no bloco operatório.

A Johnson & Johnson MedTech também vai tirar partido das tecnologias de IA para alargar o seu ecossistema aberto em cirurgias. As soluções específicas da Nvidia foram concebidas para ajudar a acelerar a inovação em todo o ecossistema e acelerar o desenvolvimento e a implementação de aplicações baseadas em IA de uma forma segura e escalável.

“Um dos maiores desafios na expansão da IA para cirurgia é o design fechado das tecnologias cirúrgicas”, realça Shan Jegatheeswaran, vice-presidente e Global Head of Digital da MedTech, referindo que “trazer hardware e software de edge computing avançados para os blocos operatórios permite mais inovação e novas soluções, baseadas em IA, para tomada de decisões clínicas, educação, formação e colaboração – com o objetivo final de melhorar o atendimento ao paciente”.

Este artigo foi escrito no âmbito da colaboração com o Link to Leaders

Mais Lidas