Facebook Instagram

Austrália: Localidade ficou submersa em muito pouco tempo. Imagens são impressionantes [VÍDEO]

As autoridades australianos pediram hoje a milhares de pessoas, no sudeste do país, para saírem de casa e evitar as inundações que ameaçam as comunidades em três estados.

Fonte: Agência Lusa
14 out, 12:46
Cheias na Austrália FOTO: EPA/JAMES ROSS Agência Lusa
Cheias na Austrália FOTO: EPA/JAMES ROSS Agência Lusa

Esta manhã (hora local), as águas submergiam rapidamente Maribyrnong, um subúrbio de Melbourne, no estado de Vitória, o segundo mais populoso da Austrália e o mais atingido.

O governo do estado está a preparar-se para reabrir um centro de quarentena covid-19 para alojar pessoas cujas casas ficaram inabitáveis, disse o chefe do executivo local, Daniel Andrews.

"Esta foi uma inundação muito significativa e está longe de ter terminado", disse à rádio ABC.

"O verdadeiro desafio é que as águas ainda estão a subir e cada vez mais casas estão a ficar inundadas, cada vez mais comunidades estão isoladas", sublinhou.

O norte da Tasmânia, um estado insular a sul de Vitória, estava também a preparar-se para responder às previsões de grandes inundações durante o dia, tendo emitido já ordens de evacuação. As chuvas fortes levaram já ao encerramento de cerca de 120 estradas.

A inundação está a pôr vidas em risco", disse o serviço de emergência da Tasmânia, em comunicado.

Em Nova Gales do Sul, o estado mais populoso da Austrália, foi criado um centro de evacuação, na sequência de fortes chuvas na noite de quinta-feira em Forbes, uma cidade do interior, a cerca de cinco horas de carro a leste de Sydney.

A Austrália está na linha da frente das consequências das alterações climáticas, com inundações, incêndios florestais, ciclones e secas a tornarem-se mais frequentes e intensos à medida que o planeta aquece, de acordo com cientistas.

RELACIONADOS
Mais Lidas